fbpx
Potterish
Áreas dessa seção

Posted by on abr 23, 2007 in Alfonso Cuarón |

Alfonso Cuarón

Dados pessoais

Nome completo: Alfonso Cuarón Orozco
Data de nascimento: 28 de novembro de 1961
Natural de: Cidade do México, México.
Notí­cias relacionadas: Todas as notí­cias do Potterish relacionadas a este diretor, você encontra aqui.

 

 

 

Biografia

Alfonso nasceu na Cidade do México, e cresceu em uma casa perto dos Estádios Churubusco. Aos 12 anos, quando ganhou sua primeira câmera de ví­deo e começou a fazer seus primeiros filmes. Depois de alguns anos, entrou para o Centro Universitário de Estudos Cinematográficos, onde conheceu a futura mãe de seu filho Jonás, além do diretor Carlos Marcovich e do fotógrafo Emmanuel Lubezki. Foi com essa equipe que realizou seu primeiro curta-metragem, Vengeance is Mine.

Trabalhou como empregado em um museu e logo como assistente de direção em Nocaut, de José Luis Garcí­a Agraz, entre outros filmes. Dirigiu alguns episódios da série de suspense da Televisa, La Hora Marcada. Junto com seu irmão Carlos escreveu o roteiro para um filme, mas o Instituto Mexicano de Cinema (IMCINE), com fundos limitados lhe ofereceu a direção do filme Sólo con tu pareja, que necessitava de um diretor. Por conta do sucesso do filme, Hollywood passou a olhar com mais atenção para Cuarón, que o convidou para trabalhar nos Estados Unidos.

E foi lá que ele começou sua carreira internacional. No iní­cio, dirigia alguns programas de televisão, até assinar contrato com a Warner Bros. para dirigir Addicted to Love, mas desistiu do projeto ao ler o roteiro de A princesinha, preferindo o filme sobre a garota órfã. Por esse filme, foi indicado a vários prêmios. E assim, Cuarón ia construindo sua carreira.

Em seguida foi a vez da Twentieth Century Fox convidá-lo para a direção do clássico de Charles Dickens, Grandes Esperanças. Poucos anos depois, escolheu E sua mãe também como seu próximo projeto, no México, que imediatamente se transformou em um sucesso de bilheteria e crítica, em seu paí­s natal. E foi em 2004 que seu nome ficou conhecido por todo mundo, ao assumir o comando de Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban. Foi o filme do diretor que mais arrecadou, além de sucesso de crítica. Depois de um pequeno projeto, chamado Paris, eu te amo, embarcou no sucesso Filhos da Esperança, tido por alguns como um dos melhores filmes de 2006.

Filmografia

2006 – Filhos da Esperança – Diretor, Roteirista e Montador
2006 – O Labirinto do Fauno – Produtor
2005 – Paris, eu te amo – Diretor e Roteirista
2004 – O assassinato de Richard Nixon – Produtor
2004 – Crônicas – Produtor
2004 – Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban – Diretor
2002 – Juego de niños – Produtor
2001 – E sua mãe também – Diretor, Produtor, Roteirista e Montador.
2001 – A espinha do diabo – Produtor associado
2001 – Me la debes – Produtor associado
1998 – Grandes Esperanças – Diretor
1995 – A princesinha – Diretor
1991 – Sólo con tu pareja – Diretor

Entrevistas

Os livros são muito mais assustadores, mas ao mesmo tempo você está em um universo de faz de conta que é assustador, não é sobre tentar testar seus limites… No final existe uma luz sob tanta coisa sombria.
[Continua]
Por Bridget Byrne do jornal Washington Post

Existem exemplos, como quando Harry está procurando Pedro Pettigrew com o mapa e que não é mencionado no livro, mas era o núcleo da história na qual nós sabiamos que teríamos que entregar muitas informações…
[Continua]
Coletiva de imprensa da Cidade do México

Para ler mais entrevistas do Alfonso Cuarón, clique aqui.

Citações do diretor

Sobre dirigir outro filme de Harry Potter:

  • “Atualmente? Não. Mas posso lhe dizer que passei os mais belos dois anos da minha vida filmando Harry Potter™. Tudo que cerca a produção de Jk Rowling tem uma energia ótima. É fantástico estar perto dela e ser associado a isso. Eu não sei. No futuro, se eu for convidado, eu consideraria isso definitivamente porque foi uma experiência muito boa, mas por outro lado eu nao sou muito bom em repetir coisas que eu tenha feito antes.”

  • “Eu adoraria ter a oportunidade de revisitar o universo de Harry Potter. É uma experiência fantástica fazer esses filmes, porque enquanto você o faz, você fica rodeado com essa fantástica energia benéfica. Tudo em volta da criação de JK Rowling – E eu não estou falando dos filmes, mas da criação dela em si, que é impregnada com essa fantástica energia benéfica. Então, para mim, os dois anos que dirigi o filme foram dois anos fantásticos de minha vida, e eu realmente não me importaria em fazê-lo novamente.”

  • “Depende de muitas coisas,” disse Alfonso. “Você acha que depende de mim?” Ele ri. “Os dois anos mais bonitos da minha vida eu passei fazendo os filmes de Harry Potter. É um bom lugar para estar. E eu amo o universo dela (J.K. Rowling), e amo sua criação também, então SIM, agora eu estaria tentado a aceitar, mas eu não sei o que passaria pela minha cabeça se isso acontecesse. Quem sabe.”

Prêmios e Indicações

  • Indicado ao Oscar 2003 – Melhor Roteiro Original (E sua mãe também).

  • Indicado ao Oscar 2007 – Melhor Roteiro Adaptado (Filhos da Esperança) e Melhor Montagem (Filhos da Esperança).

  • Indicado ao BAFTA de Melhor Filme Estrangeiro, por “E Sua Mãe Também” (2001).

  • Indicado ao BAFTA de Melhor Roteiro Original, por “E Sua Mãe Também” (2001).

Curiosidades

  • É casado com a crí­tica de cinema italiana Annalisa Bugliani.

  • Ela e o filho bebê do casal fizeram uma ponta em Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban, como um dos quadros próximo ao da mulher gorda.

  • Foi expulso do Centro Universitário de Estudos Cinematográficos por, dentre outros motivos, controvérsias geradas pelo filme que fez ser em inglês.

Fontes

IMDb
WikipediA ENG

Download mp3