Harry Potter e as Relí­quias da Morte

(Harry Potter and the Deathly Hallows, 2007)

Autora: J. K. Rowling
Editora britânica: Bloomsbury
Editora americana: Scholastic
Editora brasileira: Rocco
Editora portuguesa: Presença
Data de publicação em: Julho de 2007
Lançado no Brasil em: Novembro de 2007
Páginas da edição britânica: 608
Páginas da edição americana: 784
Páginas da edição brasileira: 592
Capítulos: 36 + epí­logo
Tradução: Lia Wyler
Ilustradora: Mary GrandPré (EUA e Brasil)
Pôster Oficial: Para vê-lo, clique aqui.
Preço: R$ 39,50. Compre-o aqui.
Vendas no Brasil: 500 mil cópias
Material suplementar: Livreto e marcador oficiais da editora Rocco podem ser salvos acessando aqui.
Notí­cias relacionadas: Todas as notí­cias do Potterish relacionadas a este livro, você encontra aqui.
Fórum: Discuta sobre este livro com outros fãs da série, clique aqui.

Dedicatória


Neil Murray
Médico que casou com JK Rowling em 26 de dezembro de 2001 na Killiechassie House.

Jessica Isabel Rowling
Primeira filha de JK Rowling, nascida no dia 27 de julho de 1993 em Porto, Portugal.

David Gordon Rowling Murray
Filho de JK Rowling com Neil Murray, nasceu em março de 2003.

Mackenzie Jean Rowling Murray
Filha de JK Rowling com Neil Murray, nasceu em janeiro de 2005.

Dianne Rowling
Irmã mais nova de Jo, nascida em 28 de junho de 2967 em Yate.

Anne Volant Rowling
Mãe de origem franco-escocesa de JK Rowling. Morreu vítima de Esclerose Múltipla em 30 de dezembro de 1990, aos 45 anos, antes do primeiro livro de Jo ser publicado.

Inglês

The
dedication
of this book
is split
seven ways:
to Neil,
to Jessica,
to David,
to Kenzie,
to Di,
to Anne,
and to you,
if you have
stuck
with Harry
until the
very end.

Português

Este livro
é dedicado
a sete pessoas:
a Neil,
a Jessica,
a David,
a Kenzie,
a Di,
a Anne,
e a você,
que acompanhou
Harry
até o
fim.

Sinopse

Harry foi sobrecarregado com uma tarefa sombria, perigosa e aparentemente impossí­vel: localizar e destruir as Horcruxes restantes de Voldemort. Harry nunca se sentiu tão solitário, ou encarou um futuro tão cheio de escuridão. Mas Harry deve, de alguma forma, encontrar dentro de si a força para completar a tarefa a qual lhe foi dada. Ele tem que deixar o aconchego, segurança e companhia da Toca e seguir sem medo ou hesitação o caminho inexorável que o aguarda…

Nesta última e sétima parte da série de Harry Potter, J.K. Rowling revela de maneira espetacular as tão ansiosamente esperadas respostas de muitas perguntas. A encantadora e abundantemente criada narrativa que empolga, entrelaça e muda num ritmo de tirar o fôlego, confirma a autora como uma mestra da narração, cujos livros serão lidos vezes e mais vezes.

Harry está esperando na Rua dos Alfeneiros. A Ordem da Fênix está vindo levá-lo embora com segurança sem o conhecimento de Voldemort e seus seguidores – se conseguirem. Mas o que Harry fará depois? Como ele pode cumprir a momentânea e aparentemente impossí­vel tarefa que o Professor Dumbledore deixou?

J.K. (Joanne Kathleen) Rowling escreve ficção desde criança e sempre quis ser uma escritora. Seus pais adoravam ler e a casa deles em Chepstow era cheia de livros. De fato, J.K. Rowling escreveu seu primeiro “livro” quando tinha seis anos – uma história sobre um coelho chamado Coelho!

A idéia de Harry Potter ocorreu a J.K. Rowling num trem de Manchester a Londres, onde ela diz que Harry Potter ‘apenas surgiu em minha mente totalmente formado’, e assim que chegou em King’s Cross, muitos personagens haviam tomado forma. Durante os próximos cinco anos ela definiu as tramas de cada livro e começou a escrever o primeiro da sçrie, Harry Potter e a Pedra Filosofal, que foi publicado pela Bloomsbury em 1997. Os outros títulos são: Harry Potter e a Câmara Secreta, Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban, Harry Potter e o Cálice de Fogo, Harry Potter e a Ordem da Fênix e Harry Potter e o Enigma do Prí­ncipe. J.K. Rowling também escreveu dois outros tí­tulos, Quadribol Através dos Séculos e Animas Fantásticos e Onde Habitam, para ajudar a Comic Relief.

Resumo dos Spoilers

O Potterish sabe que milhares de fãs brasileiros esperaram o lançamento da edição em português do livro Harry Potter e as Relíquias da Morte e, dessa forma, se privaram de ler as dezenas de informações divulgadas após o lançamento do volume em inglês.

Pensando exclusivamente em vocês, a nossa equipe trabalhou para reunir numa única página todas as informações que saíram no pós-lançamento, ou seja, depois de 21 de julho, contidas em nossos arquivos: são detalhes oficiais dados pela própria J. K. Rowling!

[RESUMO]

Capí­tulos

01 – A Ascensão do Lorde das Trevas (The Dark Lord Ascending)
Snape informa para Voldemort os planos da Ordem da Fênix em transportar Harry Potter da rua dos Alfeneiros nº 4. Na mesma reunião, Voldemort se apropria da varinha de Lúcio Malfoy. Os demais Comesais da Morte reunidos na Mansão Malfoy tiram sarro do casamento de Tonks com um lobisomem, e Voldemort mata Caridade Burbage, ex-professora de Estudo dos Trouxas em Hogwarts.

02 – In Memoriam (In Memoriam)
Harry está preparando para deixar a rua dos Alfeneiros, esvaziando o seu malão e preenxendo uma mochila com os artigos mais importante para ele. Ao mesmo tempo, ele também folheia os jornais das últimas semanas e guarda consigo o obituário de Dumbledore. Ao final da arrumação, ele nota uma entrevista recebe na qual Rita Skeeter fala sobre sua mais nova biografia completa, A Vida e as Mentiras de Alvo Dumbledore.

03 – A Partida dos Dursley (The Dursleys Departing)
Válter Dursley é relutante ao deixar a família fugir da rua dos Alfeneiros com bruxos. Harry desabafa e explica a real situação novamente, até que Duda compreende e convence os pais de partir.

04 – Os Sete Potter (The Seven Potters)
Olho-Tonto chega com Rony, Hermione, e vários membros da Ordem em comboio, para dizer que houve uma mudança nos planos. Seis deles iriam usar a Poção Polissuco para agir como clones chamarizes de Harry Potter, enquanto outros sete atuam como protetotes, e cada protetor/Harry deveria seguir para uma casa-refúgio diferente. Logo que o grupo levanta vôo, são atacados, e Hedwig é assassinada em poucos segundos. Harry se defende usando Expelliarmus, e ele e Hagrid fogem a salvo, colidindo no jardim dos fundos da casa dos Tonks.

05 – O Guerreiro Caído (Fallen Warrior)
Os sobreviventes chegam a Toca por aparatação e Chave de Portal, e informam que Olho-Tonto foi morto na batalha, Jorge Weasley sofreu uma grave mutilação de orelha e Mundungo fugiu covardemente. Harry teve uma visão de Voldemort torturando o sr. Olivaras, buscando saber por que mesmo usando a varinha de Lúcio Malfoy, ele não foi capaz de resolver o problema de não conseguir derrotar Harry Potter.

06 – O Vampiro de Pijama (The Ghoul in Pyjamas)
Molly Weasley sobrecarrega o trio com tarefas de preparação para o casamento, numa tentativa de acabar com os planos tramados para fuga. Rony e Hermione provam a Harry que eles estão cientes do sério perigo que correm e mostram de que forma pretendem proteger suas famílias de uma possível vingança dos Comensais. Hermione revela suas pesquisas sobre as Horcruxes, o problema em destrui-las e que sua fonte nada mais foi do que um livro roubado do escritório de Dumbledore através de um simples Feitiço Convocatório. Os pais de Fleur chegam para o casamento, e algumas coisas já são preparadas para a celebração do décimo sétimo aniversário de Harry que acaba caindo no dia anterior à cerimônia de Gui e Fleur.

07 – O Testamento de Dumbledore (The Will of Albus Dumbledore)

Durante o aniversário de dezessete anos de Harry, o ministro Rufus Scrimgeour chega à Toca para ler e entregar os legados citados no testamento de Alvo Dumbledore para Harry, Rony e Hermione em uma tentativa falha de os interrogar.

08 – O Casamento (The Wedding)
Harry, disfarçado pela poção Polissuco, assiste o participa do casamento de Gui e Fleur Weasley, onde ele conhece Xenofílio Lovegood e a tia-bisavó de Rony, Muriel. Harry reecontra Vítor Krum e Elifas Doge. Graças a Krum, Harry lembra de Gregorovitch e descobre que Xenofílio usou um símbolo associado a Grindelwald, e também graças à fofoca de Muriel ele ouve falar mais sobre a família Dumbledor. A festa é interrompida pela chegada do Patrono-aviso de Shacklebolt, advertindo os convidados que o Ministério caiu e Scrimgeour está morto, e que os Comensais de Morte estavam chegando.

09 – Um Esconderijo (A Place to Hide)
O trio foge dos Comensais da Morte aparatando para a rua Tottenham Court. A peculiar bolsa de contas de Hermione é revelada como um esconderijo muito útil. Momentos depois os três vão para um café trouxa para planejar os próximos movimentos. Dolohov e Rowle chegam, ocorre um duelo, e depois da luta, Harry recomenda o Grimmauld Place como o melhor esconderijo.

10 – A História de Monstro (Kreacher’s Tale)
Harry explora a fundo o Grimmauld Place, encontrando uma carta de sua mãe no quarto de Sirius. Ele descobre também sobre o irmão de Sirius, Régulo Black, então o misterioso R.A.B. Hermione lembra-se de ter visto o medalhão a dois verões passados. Harry chama Monstro, e o elfo doméstico revela que ele mantinha o medalhão, até que foi levado por Mundungo Fletcher, e explica como chegou a posse de Régulo. Então Harry pede para Monstro achar Mundungo e o trazer ao Grimmauld Place. Feito isso, Harry ganha a lealdade de Monstro, dando-lhe o falso medalhão.

11 – O Suborno (The Bribe)
Lupin procura pelo trio no Grimmauld Place e oferece acompanhá-los na jornada pelas Horcruxes, mas Harry recusa, reconhecendo que Lupin está querendo fugir dos seus problemas pessoais. Monstro retorna com Mundungo que revela que Umbridge levou o medalhão dele como suborno, por não detê-lo por venda de artefatos mágicos sem uma licença.

12 – Magia é Poder (Magic Is Might)
Depois de semanas de planejamento, o trio monta uma armadilha emboscando três funcionários do Ministério, assume as suas identidades, e infiltra-se no Ministério. Para o horror dos três, eles descobrem que a identidade roubada por Rony é a de um homem cuja mulher passa pelo corredor interrogatórios sobre status de sangue, e que enfrenta uma possível sentença de prisão em Azkaban por ser nascida-trouxa e possuir uma varinha.

13 – A Comissão de Registro dos Nascidos Trouxas (The Muggle-born Registration Commission)
Hermione acompanha Umbridge enquanto Harry adentra no escritório de Umbridge. Harry encontra o olho mágico de Moody preso à porta do escritório, e ainda um arquivo relacionado a Arthur Weasley e uma cópia do livro de Rita Skeeter. Harry volta os olhares ao decer pela escadas em direção à corte, onde ele e Hermione estuporam funcionários do Ministério, levam o medalhão, e libertam os prisioneiros, enquanto pedem para que todos fujam do país. Antes de saírem do prédio, encontram-se com Rony e fogem em retorno para o Grimmauld Place, porém decidem abandonar o casarão ao perceberam que os Comensais da Morte acidentalmente conseguiram desbloquear as proteções do lugar.

14 – O Ladrão (The Thief)
O trio aparata nos campos em torno do estádio da Copa Mundial de Quadribol, porém Rony estrunchou durante o processo. Hermione trata os ferimentos graves de Rony e eles montam acampamento. Harry tem uma visão de Voldemort interrogando Gregorovitch e percebe que Voldemort está procurando algo que Gregorovitch possuía, mas que foi roubado há muito tempo atrás por um jovem garoto.

15 – A Vingança do Duende (The Goblin’s Revenge)
O trio passa semanas deslocando-se de lugar para lugar, falhando em ao tentar destruir o medalhão Horcrux ou pensando em uma forma de encontrar os outros e com isso caindo em frustração, agravados pela influência venenosa da Horcrux. Mais tarde eles reencontram fugitivos -um jantar de bruxos nascidos-trouxas e duendes- e descobrem que uma fraude foi substituída pela verdadeira espada de Gryffindor. Harry, Rony e Hermine indagam ao retrato de Fineus Nigellus (o qual Hermione escondeu na bolsa de contas) e descobrem que a espada é capaz de destruir Horcruxes. Rony, perde o autocontrole devido à Horcrux e deixa o acampamento.

16 – Godric’s Hollow (Godric’s Hollow)
Semanas passaram enquanto Harry e Hermione, com o coração partido por Rony os terem deixado, concentravam-se em encontrar o local exato da espada. Em pleno dia de Natal, Harry pede para ir à Godric’s Hollow por razões pessoais e Hermione concorda por razões relacionadas à busca pelas Horcruxes. Depois de planejar cuidadosamente, eles aparatam em Godric’s Hollow sob disfarce e visitam o túmulo dos pais de Harry.

17 – O Segredo de Batilda (Bathilda’s Secret)
Deixando o cemitério, Harry e Hermione vêem o antigo chalé dos Potter, então encontram alguém parecida com Batilda Bagshot, porém ela se mantém muda até que consegue ficar a sós com Harry. Tarde de mais, Harry descobre que eles foram levados a uma armadilha, e o cadáver de Batilda estava sendo usado como um disfarce por Nagini. Ele e Hermione conseguem escapar, às custas da varinah de Harry que foi acidentalmente quebrada por Hermione.

18 – A Vida e as Mentiras de Alvo Dumbledore (The Life and Lies of Albus Dumbledore)
Hermione dá para Harry uma cópia de A Vida e as Mentiras de Alvo Dumbledore que ela roubou da casa de Bagshot, e eles descobrem que o jovem garoto da imagem era Gerardo Grindelwald que de acordo com Rita Skeeter era muito íntimo de Alvo Dumbledore por um breve período na adolescência; um momento crucial da vida de ambos.

19 – A Corça Prateada (The Silver Doe)
Hermione aparata com Harry na Floresta do Deão, onde Harry, acordado na calada da noite, vê e segue um Patrono na forma de uam corsa prateada para um lago congelado onde a espada de Gryffindor jaz. Ele é quase estrangulado pelo medalhão Horcrux quando tenta mergulhar para pegá-lo, e acaba sendo salvo por Rony que mostra o caminho de volta através do Desiluminador. Rony confronta e destrói a Horcrux, depois que Harry ordena que ela abra por Ofidioglosia. Eles voltam juntos ao acampamento, onde durante algum tempo, Harry teve que proteger Rony de Hermione.

20 – Xenofílio Lovegood (Xenophilius Lovegood)
Harry e Rony conversam sobre todas as aventuras passadas desde a separação do trio. Hermione acha a marca triangular em uma imagem das cartas de Dumbledore, e o trio procura por Xenofílio Lovegood em sua própria casa, para obter informações sobre o estranho sinal.

21 – O Conto dos Três Irmãos (The Tale of the Three Brothers)
Xenofílio Lovegood explica que o símbolo é a marca registrada das Reíquias da Morte, e que a origem da história é “O Conto dos Três Irmãos” que Hermione lê então em voz alta. Xenofílio explica o simbolismo da marca e comenta sobre as Relíquias. Harry, andando pela casa, nota que não há nenhum sinal de Luna aparente nas últimas semanas, e então confronta Xenofílio. Xenofílio revela que os Comensais da Morte a levaram, e que ele planeja segurar o trio até que os Comensais cheguem para negociar uma troca. Harry, Rony e Hermione conseguem escapar, mas fazem com que seja aparente a breve presença do trio, para que Xenofílio não seja levado como traídor.

22 – As Relíquias da Morte (The Deathly Hallows)
Harry fica obcecado com as Relíquias, particularmente a Pedra (a qual ele percebe que está escondida dentro do pomo que Dumbledore deixou). Ron assume a caça pelas Horcruxes. Então Rony consegue sintonizar a rádio Potterwatch da qual o trio descobre que Voldemort finalmente está fora do país – e Harry deduz que Voldemort está procurando a Varinha das Varinhas. Harry acaba acidentalmente dizendo o nome de Voldemort em voz alta e o encanto Tabu é ativado, atraindo a gangue de seqüestradores e Lobo Greyback.

23 – Malfoy Manor (A Mansão dos Malfoy)
Hermione disfarça a aparência de Harry com um feitiço antes mesmo dos seqüestradores capturarem os três e levarem para a Mansão Malfoy. Infelizmente, os seqüestradores reconhecem Hermione e encontram a espada, fazendo um interrogatório subseqüente uma opção quase certa – Hermione é torturada por Belatriz que deseja saber como conseguiram achar a espada. Harry usa o Espelho de Duas-Fac es quebrado para pedir ajuda, e Dobby aparece. O elfo doméstico ajuda Rony a salvar todos os prisioneiros da mansão, desarmando Belatriz e Draco, porém no fim Dobby é fatalmente atingido pela adaga de Belatriz.

24 – O Fabricante de Varinhas (The Wandmaker)
Harry enterra Dobby e recupera a perspectiva de que o objetivo maior era a caça pelas Horcruxes, colocando de vez as Relíquias para escanteio. Ele também percebe onde a Varinha das Varinhas está e que Voldemort está a ponto de roubá-la. Harry também imagina que seja possível que haja uma Horcrux escondida dentro do cofre dos Lestranges no banco Gringotes. Ele primeiro pede a ajuda de Grampo para invadir Gringotes, então pergunta para Olivaras a respeito da Varinha das Varinhas antes de contar a Rony e Hermione que Voldemort roubou por fim a Varinha das Varinhas do túmulo de Dumbledore.

25 – A Casa das Conchas (Shell Cottage)
Grampo concorda em ajudar na invasão do Gringotes em troca da espada que ele considera ser legalmente propriedade dos duendes, e Harry e Ron concordam de má vontade, planejando recebê-la até o final da caçada pelas Horcruxes. Lupin chega para anunciar o nascimento do filho dele e pedir para Harry ser o padrinho. Gui conversa a sós com Harry para adverti-lo que não deva confiar no papo dos duendes.

26 – Gringotes (Gringotes)
Os planos e a preparação estão completos, Grampo acompanha o trio até Gringotes, escondido com Harry debaixo da Capa de Invisibilidade, enquanto Hermione posa como Belatriz e Rony assume uma falsa identidade de estrangeiro. Usando vários feitiços para interferir na mente dos funcionários do banco, eles conseguem alcançar o nível do cofre dos Lestranges, antes de várias defesas serem ativadas contra eles. O grupo consegue achar a Taça, porém foge sobre ameaça de feitiços com a ajuda de um dragão selvagem após a traição covarde do duende Grampo.

27 – O Esconderijo Definitivo (The Lightning-Struck TowerThe Final Hiding Place)
O trio passa a maior parte do dia sobre o dragão, “desembarcando” dele próximo do pôr-do-sol. Harry tem uma visão do roubo sendo informado a Voldemort, e percebe que eles estão correndo contra o tempo – Voldemort agora sabe da intenção do trio pelas Horcruxes, e eles devem destruir a última Horcrux em Hogwarts antes que Voldemort chegue ao castelo.

28 – O Espelho Desaparecido (The Missing Mirror)
Harry, Rony e Hermione voltam a Hogsmeade. Lá são procurados pelos Comensais da Morte, e felizmente salvos por Aberforth Dumbledore que lhes aconselha que abandonem a missão dada por Alvo e explica por que ele não confia cegamente no julgamento do irmão, os contando a verdadeira história da vida e morte de Ariana Dumbledore.

29 – O Diadema Perdido (The Lost Diadem)
Neville escolta Harry, Rony e Hermione pela passagem do Cabeça de Javali para a Sala Precisa onde a Armada de Dumbledore recapitula a situação em Hogwarts e os alunos da Corvinal falam para Harry sobre a diadema de Ravenclaw. Luna leva Harry até a Torre da Corvinal onde encontra-se o busto de Rowena Ravenclaw, e Aleto Carrow os embosca na sala comunal da Corvinal.

30 – A Demissão de Severo Snape (The Sacking of Severus Snape)
Os irmãos Carrow são amarrados. Voldemort averigua a caverna do Medalhão e vê que ele não se encontra mais lá, como também descobre que Harry chegou à Torre da Corvinal. Snape foge voando depois de duelar com os professores. McGonagall desperta o castelo, e muitas armaduras são enfeitaçadas para resguardar a defesa de Hogwarts dos Comensais da Morte.

31 – A Batalha de Hogwarts (The Battle of Hogwarts)
McGonagall ordena a evacuação dos alunos menores de idade e dos que não desejam lutar, Voldemort dá um ultimato, e Harry descobre como Voldemort adquiriu o diadema. Rony e Hermione voltam da Câmara Secreta com a Taça já destruída, e o trio vai junto até a Sala Precisa para destruir o diadema. Lá eles encontram Draco Malfoy, Crabbe e Goyle. Os seis duelam, e Crabbe solta o Fogomaldito, destruíndo quase todos os itens da sala, inclusive tirando a vida do jovem Comensal. O trio escapa, salvando Draco e Goyle no caminho. Eles encontram Percy e Fred, Comensais da Morte duelando e ouvem a explosão que causa a morte de Fred.

32 – A Varinha das Varinhas (The Elder Wand)
A batalha continua, mas Voldemort retorna com Nagini na Casa dos Gritos, esperando Harry e pensando na Varinha das Varinhas. Ele chega a uma conclusão e chama Snap, enquanto trio faz o caminho abaixo da Capa da Invisibilidade, só para testemunhar o assassinato de Snape e receber algumas das suas recordações como uma mensagem final.

33 – A História do Príncipe (The Prince’s Tale)
Harry, usando a Penseira, descobre a amizade de infância de sua mãe com Severo Snape, que a pior memória de Snape foi como eles se distanciaram, de como Snape virou o agente duplo de Dumbledore, e que ele foi acidentalmente feito uma Horcrux na noite da morte de Tiago e Lílian Potter.

34 – De Volta à Floresta (The Forest Again)
Depois de Harry saber sobre a Horcrux acidental, vai de encontro a Voldemort na Floresta Proibida. No caminho, ele ordena que Neville mate a todo custo a cobra Nagini, então retira a Pedra da Ressurreição do pomo de ouro e a usa. Ao alcançar a teia de Aragog onde os Comedores de Morte estão agora acampados, ele permite Voldemort usar a Maldição da Morte nele sem chance de autodefesa.

35 – King’s Cross (King’s Cross)
Harry acorda no que parece ser a estação King’s Cross, onde eencontra um fragmento da alma de Voldemort, agora impotente, e Alvo Dumbledore que explica o estranho fato ocorrido na floresta. Harry teve duas opções neste limbo: ir adiante ou ou voltar; ele escolheu voltar.

36 – A Falha no Plano (The Flaw in the Plan)
Harry e Voldemort recuperam a consciência na Floresta, Harry se finge de morto, e Hagrid é forçado a levar o corpo de Harry até o castelo onde Voldemort o exibe aos defensores em uma tentativa de quebrar a resistência do lado contrário. Neville confronta Voldemort que o amaldiçoa, colocando o Chapéu Seletor em sua cabeça e fazendo um pequeno discurso vitorioso. Neville arranca a espada de Gryffindor do Chapéu e mata Nagini quando Voldemort se distraiu com a chegada dos centauros. A batalha é travada novamente, e Voldemort é derrotado finalmente por Harry.

Epílogo – Dezenove Anos Depois (Nineteen Years Later)
Harry, Gina, Hermione, Rony e Draco estão levando os seus filhos para o Expresso de Hogwarts.

Colunas

Capas


Alemanha A.
Alemanha I.
Dinamarca
Espanha
EUA
EUA Deluxe
Finlândia
França
Holanda
Inglaterra A.
Inglaterra I.
Inglaterra E.
Itália
Japão
Suécia
Ucrânia

Para ver mais capas de Harry Potter e as Relíquias da Morte, clique aqui.

Fotos dos Capítulos

Imagens do livro podem ser encontradas na nossa galeria clicando aqui.

Galeria de Vídeos

  • J.K. Rowling lendo o primeiro capítulo de Relíquias da Morte na celebração de lançamento no Museu de História Natual em Londres na noite de 21 de julho. Formas de Download: aqui [Íntegra] | Parte 1 | Parte 2 | Parte 3 (Botão Direito, Salvar Destino Como…).

  • J.K. Rowling entrevistada no programa infantil Blue Peter. Clique aqui para fazer o download.

  • Especial sobre o sétimo livro Harry Potter e i Doni della Morte pelo canal italiano RAI. Clique aqui para assisti-lo.

  • Mary GrandPré em passo-a-passo: como desenhar Harry Potter. Clique aqui para vê-lo pelo Google Video

  • J.K. Rowling falando sobre novidades pós-lançamento no programa matinal Today Show. Para ver, clique aqui.

  • J.K. Rowling presente em evento na turnê de Relíquias da Morte por Los Angeles no Teatro Kodak; leitura, autógrafos, bate-papo, mídia. Links para visualização: ABC | FOX | CBS

  • Festa de lançamento da versão russa de Relíquias da Morte. Clique aqui para assistir através do local Russia Today.

  • Festa de lançamento da versão ucraniana de Relíquias da Morte. Clique aqui para vê-lo pelo YouTube.

  • Vídeo do sétimo livro impresso. Veja aqui (clique em Harry Potter’s 3rd mystery question).

Datas de lançamento pelo mundo

Alemanha – 27 de outubro
Brasil – 10 de novembro
Bulgária – 13 de dezembro
China – 28 de outubro
Dinamarca – 10 de novembro
Estados Unidos – 21 de julho
Finlândia – 7 de março (2008)
França – 26 de outubro
Grécia – 3 de novembro
Holanda – 17 de novembro
Hungria – fevereiro (2008)
Inglaterra – 21 de julho
Itália – 5 de janeiro (2008)
Noruega – 10 de dezembro
Polônia – 26 de janeiro (2008)
Portugal – 16 de novembro
Rússia – 13 de outubro
Suécia – 21 de novembro
Turquia – 9 de outubro
Ucrânia – 25 de setembro
Vietnã – 27 de outubro

Resenhas/Crí­ticas

“Agora quem é órfão não é um menino franzino, descabelado e de óculos, mas os fãs da saga Harry Potter, escrita por J.K.Rowling. Harry Potter and the Deathly Hallows foi lançado às 20h01 em inúmeras livrarias do Brasil, no dia 21 de julho último (a versão em português, pela Editora Rocco, será lançada em 10 de novembro). A espera pelo fechamento da série durou dez anos. A cada novo lançamento, teorias mirabolantes recheavam a internet. Essa euforia toda acabou e tem fã que ainda não sabe se acabou bem ou não. Será que o livro superou expectativas de milhões de pessoas no mundo inteiro?”
[Continua]
Frini Georgakopoulos, crí­tica do Almanaque Virtual

Campanha Publicitária no Brasil

Começou a campanha publicitária de RdM no Brasil!
Começou a publicidade para a versão brasileira do livro Harry Potter e as Relíquias da Morte, ao menos no Rio de Janeiro! Com a proximidade da XII Bienal do Livro, que será realizada de 13 a 23 desse mês, eles voltaram a sua atenção para o último livro da série Potter, talvez no intuito de chamar a atenção dos jovens ao evento.
[Continuar]

Turnê de lançamento nos EUA

Ações de Caridade

A autora JK Rowling doou uma cópia autografada do sétimo livro para a realização de uma rifa de caridade. Jo presenteou o Trefoil House, uma organização em Edimburgo, na Escócia que ajuda crianças que têm necessidades especiais ou deficiências.
A rifa foi realizada como parte da campanha do Natal 2007. O evento ocorreu nos dias 4 e 5 de dezembro, no Edinburgh Corn Exchange, New Market Road. Um dos organizadores do evento declarou:

“Estamos absolutamente encantados por esta generosa doação. Esta é uma oportunidade para alguém ganhar, sem ter que pagar muito dinheiro. Pois como não se trata de um leilão, mais sim de uma rifa, que será vendida em dois dias, as chances são boas.”

Waterstone’s doa DH autografado para hospital infantil
O livro final das aventuras do jovem bruxo foi doado pela livraria Waterstone’s, de Fishergate, Preston. Ele será vendido num leilão de caridade na sexta-feira, 14 de setembro.
[Continuar]

Polêmicas

Harry Potter e a Mudança Gramatical
“Essa alegação pode parecer rabugenta, mas sendo um professor de Inglês do ensino médio, eu tenho que questionar o currículo em Hogwarts. Como Chaplin desumanizou o trabalhador das linhas de montagem em seu filme “Tempos Modernos,” que se sente compelido a parafusar tudo que vê, eu me encontrei lendo esse último Harry Potter como se fosse uma redação de um estudante [...]”
[Continuar]

Notícia falsa sobre impressão do RdM no escuro
“Segundo a reportagem o vídeo confirma a notícia divulgada pelo tablóide The Mirror dias atrás, de que os funcionários da fábrica estão trabalhando na escuridão completa para que não sejam capazes de ler o livro.”
[Continuar]

Livrarias brasileiras furam acordo e já vendem “RdM”
“Como todos sabem, 10 de novembro, é o lançamento oficial do livro Harry Potter e as Relíquias da Morte, no Brasil. Porém, algumas livrarias se anteciparam e já colocaram o livro à venda na tarde desta sexta-feira (9) [...]”
[Continuar]

Protestos atrasam lançamento na Grécia
“O lançamento RdM foi atrasado na Grécia, por causa de protestos realizados pelos empregados de livrarias gregas, que não queriam trabalhar à noite, para o lançamento de um livro estrangeiro [...]”
[Continuar]

Briga ambiental veta publicação de RdM na Finlândia
“Representantes da autora, afirmaram que a editora pretendia usar papel finlandês, quebrando assim a certificação de amizade ecológica [...]”
[Continuar]

Tradução Oficial versus Tradução Pirata

Em artigo para a revista Língua Portuguesa, o professor Gabriel Perissé faz uma comparação entre as traduções feitas pelos fãs – na época do lançamento do livro Harry Potter e as Relíquias da Morte na Inglaterra – e a tradução oficial de Lia Wyler.

Sem tietagem, o professor defende Lia Wyler, e com razão, diga-se de passagem. Obviamente a precisão da tradução livre não é a mesma da oficial, mas vale a pena dar uma conferida na matéria. Após a leitura, um dilema certamente irá pairar no ar: qual a razão para ainda criticarem Lia Wyler?

“Entre nós, jovens com nomes reais ou fictícios antecipam-se, utilizando a internet como instrumento e vitrine de suas versões. Desconhecem ambições financeiras. Seu único intento consiste em servir a comunidade potteriana brasileira, cujo clamor nas salas de bate-papo e fóruns é unânime: ‘Não dá para esperar o Harry Potter oficial!’.”
[Continuar]
Gabriel Perissé ao Língua Portuguesa

Tradutor profissional critica pirataria da internet
O tradutor profissional diz que as traduções amadoras são pobres, porém muitas pessoas em Israel não falam o inglês e estão muito ansiosos para ler o livro 7, e acabam lendo.
[Continuar]

Tradução Pirata na Venezuela
Os donos das livrarias estão descrevendo-a como “uma tradução quase oficial”, e dizem que “é quase igual à edição publicada pela Editora Salamandra, responsável pela distribuição do livro no país.”
[Continuar]

Falsificações: piratas e um falso oitavo livro
“Nós sabemos desse livro e estamos tomando providências, tanto através das cortes locais como de negociações com as autoridades na China para nos prevenir contra a violação dos direitos autorais. Estamos muito satisfeitos com a cooperação que estamos recebendo das autoridades chinesas.”
[Continuar]

Chineses também traduzem Deathly Hallows
“Traduzimos o livro porque amamos Harry, e não pretendemos utilizar o texto com fins comerciais”, disse um dos adolescentes que aproveitaram as férias de verão para antecipar a versão chinesa.
[Continuar]

Versões piratas de DH serão punidas na China e França
Na China, por exemplo, além dos fãs traduzirem o livro, eles conseguiram editoras que o publiquem, vendendo-os no mercado; alguns também têm criado outras versões com diversos títulos, como “Harry Potter o dragão impetuoso”, “Harry Potter e o império chinês” [...]
[Continuar]

Jovem francês não pagará indenização por DH
O adolescente francês de 16 anos, que havia sido detido por traduzir e publicar na internet o último volume da série, Harry Potter and the Deathly Hallows, não será processado, divulgou a editora Gallimard.
[Continuar]

Pirataria em Cuba
“Existem pelo menos duas versões piratas do filme circulando pela ilha. Em uma delas, Harry Potter é um garoto rico da Venezuela, no outro seu espanhol tem um forte sotaque boliviano.”
[Continuar]

Cobertura Potterish no lançamento de Relíquias da Morte no Brasil


Nordeste Sudeste Sul Centro-Oeste
Aracaju
Fortaleza
Natal
Recife
Salvador
São Luís
Campinas
(FNAC)
Campinas
(Saraiva)
Belo Horizonte
Rio de Janeiro (FNAC)
Rio de Janeiro
(Leblon)
Ribeirão Preto
São Paulo
(Siciliano)
São Paulo
(Cultura)
Sorocaba
Curitiba
Florianópolis
Pelotas
Brasília
Goiania


Os eventos em negrito são os que foram organizados ou apoiados pela nossa equipe.

Cobertura Potterish no lançamento de Relíquias da Morte pelo mundo

10/02/2008 – Hungria
A nossa newsposter e correspondente Virág Venekey, teve o prazer de participar da festa de lançamento na capital húngara, onde participou da festividade e conversou com o tradutor oficial dos livros da série Potter para o idioma húngaro Tóth Tamás Boldizsár [Continuar]

Entrevistas referentes ao livro 7

“Sim, no sétimo livro ela mata Belatriz – ela é a única mulher no lado do bem que mata alguém. Eu vi Molly e Belatriz em lados opostos por um longo tempo; duas personagens completamente diferentes; que mostram, cada uma, um lado muito feminino do amor. O amor puro e protetor de Molly, e o amor perverso e obsessivo de Belatriz. Aqueles dois tipos de ernegia feminina uma contra a outra. Aquilo foi muito satisfatório de escrever.”

[Continuar]
Parte da raiva de Harry agora é minha. Sete livros, sete perguntas por Fee ao The Volkskrant

“Mudou, porém apenas alguns detalhes. Em todos os aspectos importantes continua o mesmo. E o final será o mesmo que planejei em 1997. A história sofreu algumas mudanças e mudaram algumas coisas que talvez eu não esperasse, mas a linha de raciocínio continua a mesma. cada livro foi feito indo a caminho da conclusão final.”

[Continuar]
J.K. Rowling no Festival do livro de Edimburgo

“Portanto, uma dificuldade que tive foi a frase “Open at the close” porque eu não sabia se devia entendê-la literal ou metaforicamente e foi preciso decidir isso no capí­tulo 7, sem voltar atrás, porque os capí­tulos foram entregues à Editora logo após eu os traduzir e rever. Ora, “Close” pode ser o ato de fechar, o fim, fecho ou conclusão, terras particulares, recinto fechado, átrio. Escolhi “fecho”. A frase ficou então “Abro no fecho”, ou seja no fim, mantendo o jogo de palavras do original “open e close”. Mais divertidos foram os ditados, máximas ou anexins que a autora inventou para o mundo bruxo do tipo “Varinha de sabugueiro, azar o ano inteiro”.”

[Continuar]
Entrevista exclusiva com a tradutora da série Potter por Potterish.com

Artigos

Os grandes comunicados pretos nas portas da sala infantil da biblioteca pública de Cambridge são bem claras: Trouxas que contarem o final de “Harry Potter and Deathly Hallows” serão enviados para detenção.

[Continuar]
Fãs novos e antigos fazem a popularidade de Harry Potter crescer após RdM por Jed Gottlieb para Boston Herald

Para o rigoroso lançamento controlado, todos os livros foram empacotados, embrulhados e etiquetados com segurança em mente. Etiquetas, por exemplo, não identificavam os livros, e o embrulho preto opaco dentro de um suporte obscureceu os índices e fez alterações evidentes. Para acrescentar a segurança, foi dito aos motoristas que eles estavam carregando apenas material impresso.

[Continuar]
Harry Potter e a mágica da distribuição por Peter Bradley para DCVelocity

Há sempre uma corrida para traduzir o último J.K. Rowling. Assim como as versões autorizadas, fã clubes virtuais da Alemanha ao Vietnã pulam imediatamente ao trabalho. Mas questões de direitos continuam turvas: um adolescente em Provença passou uma noite na cadeia por lançar uma tradução instantânea. A polícia o soltou, impressionados com seu trabalho quase profissional.

[Continuar]
Quem ganhou a corrida de tradução de “Harry Potter”? por William Sutton para Times Online

Em 1999, quando foi dada a Gili Bar-Hillel a tarefa de traduzir Harry Potter e a Pedra Filosofal para hebraico, conhecido nos EUA como Harry Potter e a Pedra do Feiticeiro, ou o primeiro livro da conhecida série de sete volumes, ninguém previu o sucesso comercial sem fronteiras que estava à espera da franquia Harry Potter.

[Continuar]
Quando “Harry” conhece o Hebraico por Sarah Bronson para CJN News

Prêmios e Indicações

Escolhido como “Livro mais Vendido de 2007”, no Brasil, segundo a revista Veja (2008).

Indicado como “Melhor do Ano” , pelo Omelete (2008).

Indicado como “Melhor do Ano” o esperado fim da série, pelo Omelete (2008).

Indicado com “Pior do Ano” o término da série ‘agora o que teremos para ler?’, pelo Omelete (2008).

Ganhou o prêmio Berkshire Children’s Book Award (2007).

Indicado á categoria de “Melhor Livro” do Nickelodeon Kid’s Choice Awards 2007 britânico (2007).

Indicado como “Livro Favorito” no K-Zone Awards (2007).

Indicado como “Melhor Livro” no Nickelodeon Kid’s Choice Awards (2007).

Nomeado ao Nébula Awards 2007 na categoria “Melhor Romance” (2007).

Eleito o “Melhor Livro de 2007″ pelo site americano de vendas online Amazon (2007).

Eleito o “Livro Mais Esquecido do Ano” pela rede de hotéis Travelodge (2007).

Eleito o segundo “Livro Mais Procurado” no sistema de busca do portal online AOL (2007).

Eleito o “Livro do Ano” pelo jornal americano USA Today (2007).

Eleito o oitavo “Melhor Livro de Ficção” na lista da revista americana Time (2007).

Eleito um dos “10 Livros Notáveis Infantis de 2007″ em lista elaborada pelo jornal americano The New York Times (2007).

Eleito um dos “100 Livros Notáveis Infantis de 2007″ em lista elaborada pelo jornal americano The New York Times (2007).

Segundo lugar na lista da AbeBooks.com na categoria dos “Livros Mais Vendidos” (2007).

Indicado em nome de Jim Dale como melhor audio book narrado em 2007 no Audie Award na categoria “Narração – Masculina – Solo” (2007).

Ganhador em nome de Jim Dale como melhor audio book narrado em 2007 no Odyssey Award 2008 da Associação Americana de Bibliotecas (2007).

Ganhador em nome de Jim Dale como melhor audio book narrado em 2007 no Grammy Americano na categoria “Melhor Álbum de Palavras para Crianças” (2007).

O que JK Rowling diz…

Confira os comentários de JK Rowling referente a esse livro clicando aqui!

Curiosidades

  • Segundo pesquisa orquestrada pelo site da maior loja de vendas online do mundo Amazon, o último volume da série escrita por JK Rowling ficou no primeiro lugar na lista dos livros mais vendidos no Reino Unido, Estados Unidos, França e Alemanha, além de vir em terceiro no Japão num indíce marcando a euforia de compras de livros do ano de 2007.

  • Na mágica noite de lançamento do sétimo livro, Jo compareceu à meia noite do dia 21 de julho no museu de História Natural em Londres para autografar livros. A editora Bloomsbury colocarou dentro do evento 1700 pessoas e dessas, 500 foram sorteadas aleatoriamente, para participar da leitura que Jo realizou. O processo de autografo aconteceu até o amanhecer, afinal foram 1700 livros, distribuídos de graça como prêmio aos leitores sorteados.

  • Segundo pesquisa encomendada pela revista nacional Veja, Harry Potter e as Relíquias da Morte, mesmo tendo sido lançado dois meses antes do fim do ano, foi o livro de ficção mais vendido de 2007, com aproximadamente meio milhão de cópias vendidas.

  • A editora britânica Bloomsbury calculou que 573.845 cópias do livro foram vendidas na Austrália nas primeiras 24 horas depois do lançamento, enquanto Harry Potter e o Enigma do Principe vendeu “apenas” 350.396 cópias. Na Alemanha, 398.271 livros foram vendidos. Na China, as vendas foram intensas no primeiro final de semana de publicação, com pré-vendas acima de 200% a mais do que o livro anterior. Na Índia, por sua vez, o livro vendeu por volta de 170 mil cópias nas primeiras 12 horas, quebrando o recorde conseguido pelo antecessor, Enigma do Principe, que vendeu em torno de 100 mil livros no dia de lançamento. O audio book vendeu 2.564 unidades do pacote completo nas primeiras 24 horas, incluindo versão adulta e infantil.

  • A maior companhia de vendas online Amazon, declarou que vendeu 2,5 milhões de cópias do livro “Harry Potter e as Relíquias da Morte”.

  • Segundo a Scholastic o sétimo filme quebrou todos os recordes ao conseguir a marca de 11.5 milhões de cópias vendidas nos EUA em apenas 10 dias. A editora ficou imprimindo cópias do livro até as últimas horas do pré-lançamento, e essa dedicação rendeu 14 milhões de livros impressos.

Citações

  • Emma Watson:

  • “Mesmo agora que está concluído, ainda há discussão, ainda há fatos com interpretações diferentes. Eu adoro que todos tem opiniões diferentes. Eu quero dizer que tinha literalmente esse grande debate sobre tudo quando Harry Potter 7 estava para ser lançado… Do tipo: O que vai acontecer? Harry Potter vai morrer? É muito interessante.”

    “Acabei de ler “Relíquias da Morte” – O qual não pude acreditar… O trio sobreviveu!!! E Hermione e Rony se casaram e tiveram filhos! Woop, woop! Me senti muito mal por estar feliz com isso por causa de todas as mortes – A morte do Dobby foi horrível e até me fez chorar… Aliás muitas coisas me fizeram chorar!”

  • Daniel Radcliffe:

  • “Será estranho. Isso será muito estranho e eu imagino que eu estarei um pouco emocionado sobre isso. Mas de uma maneira será bem-vindo. Quando eu terminei de ler o último livro, eu percebi ‘É isso, essa é a última vez que eu faço uma jornada com esse personagem.’ E eu admito isso. Eu chorei um pouco no final.”

    “Estava no carro naquele momento. Tinha meu Ipod ligado e estava ouvindo Sigur Rós. Eu não sei se você conhece eles. Tem uma banda instrumental, mas é incrível. Acho que eles são da Escandinávia. Eles lançaram um CD chamado Takk. Estava ouvindo e era muito, muito apropriado (para o final de “Relíquias da Morte”). Fiquei ouvindo e me lembro que estava meio desligado de tudo que acontecia então eu meio que criei meu mundinho quando lia. O que fiz quando terminei? Acho que coloquei o livro de lado e continuei ouvindo música. Apenas vendo a janela do carro porque não tinha o que pensar. Eu ainda estou tentando pensar nisso. Não quero levar isso nas pressas.”

  • Richard Robinson (Diretor Executivo Scholastic):

  • “Nós devemos acreditar que esse é o último livro de Harry Potter. Nós olhamos para Harry Potter como a cereja no topo do bolo, mas nós somos essencialmente uma companhia de livros infantis, com nossa própria rede de distribuição e clubes de livro. Não há como questionar que Harry Potter nos deu um grande impulso. Nos trouxe reconhecimento de nome, mas Harry Potter nunca superou 8 por cento da renda anual.”

  • Mary GrandPré:

  • “Eu estou tão ansiosa por este ser o último livro da série quanto eu estive feliz ao longo da jornada. É bom poder dar um fechada e um tudo e celebrar como um todo, e poder olhar pra trás, respirar fundo e dizer “Uau! Foi uma experiência e tanto!”, então, você sabe… Eu estou ansiosa para o fim e por saber como tudo termina e sim, eu posso estar um pouco triste sobre isso, mas eu ficarei realmente feliz em saber que esta etapa acabou, e que eu posso seguir para fazer outras coisas criativamente e pessoalmente. Sim, estou muito feliz com tudo, que tenha chegado a este ponto.”

  • Stephen King:

  • “Quando você tem somente quatro dias para ler um livro de 750 páginas, e depois escrever uma resenha de 1100 palavras para ele, quanto tempo você tem para apreciar e aprofundar-se no livro? Para pensar sobre o livro? Jo Rowling preparou um banquete de sete saborosos livros, carinhosamente preparados, bem cozinhados, e amavelmente servidos a mesa. As crianças e adultos que caíram apaixonados pela série (Estou entre eles), serviram-se de tudo, do aperitivo (A Pedra Filosofal) até a sobremesa (o magnífico epílogo de Relíquias da Morte).”

  • Lia Wyler:

  • “Ontem, compactando os arquivos do sétimo Harry Potter, percebi que o capítulo que mais gostei — A história do príncipe — é o capítulo 33.

    Aproveito a correção para esclarecer que a tradutora conhece palavrões em português e em inglês; no entanto a série Harry Potter NÃO PODE conter palavrões, porque é comprado pelo MEC para uso em escolas da rede pública. “Bitch” foi traduzido por “VACA!”

    Outra questão: Antes de ler o original de um livro não é possível dar títulos, mas apenas palpites. Insígnias teria sido coerente com a lenda arturiana de onde a autora extraiu muitos mitos (a espada de Gryffindor é um deles). Lendo o livro ficou óbvio que não se aplicaria. No entanto, o título atual não é melhor. A Morte (com letra maiúscula) não tem relíquias. Personagens recebem dons, dádivas, presentes, prendas de personificações do bem, do mal, da criação da extinção.”

Audiobooks

O Audiobook da versão americana teve como narrador Jim Dale, que narrou todos os outros livros da série. Ele pode ser adquirido pelo site da Amazon.com por $33,99.

Compre-o aqui.

 

 

 

 

 

 

O Audiobook da versão britânica teve como narrador Stephen Fry, que narrou todos os outros livros da série. Ele pode ser adquirido pelo site da Amazon.co.uk por £44.99.

Compre-o aqui.

 

 

 

 

Fontes
Scholastic
Bloomsbury
HP-Lexicon



 
 
 
 
 
 
Livros HP
  Livro 1
  Livro 2
  Livro 3
  Livro 4
  Livro 5
  Livro 6
  Livro 7
  Outros Livros e Relatos
 
  Animais Fantásticos e Onde Habitam
  Quadribol Através dos Séculos
  Os Contos de Beedle, o Bardo
  Prefácio dos Marotos
  Enciclopédia
  Extras
 
  J.K. Rowling
 
  The Casual Vacancy
  Série Cormoran Strike/font>
  Lia Wyler
  Mary GrandPré
 
Filmes HP
  Filme 1
  Filme 2
  Filme 3
  Filme 4
  Filme 5
  Filme 6
  Filme 7
 
  Parte I
  Parte II
  Outros Filmes/Trabalhos
 
  Alice no País das Maravilhas
  Cherrybomb
  O Corajoso Ratinho Despereaux
  Equus
  Dançando para a Vida
  How to Succeed in Business
  JK Rowling "Um Ano na Vida"
  Lições de Vida
  Matador em Perigo
  My Boy Jack
  Sete Dias com Marilyn
  Sweeney Todd
  Um Verão Para Toda Vida
  Elenco  
 
  Daniel Radcliffe  
  Emma Watson  
  Rupert Grint  
  Tom Felton  
  Lista Completa... +50 atores  
  Equipe Técnica  
 
  Alfonso Cuarón
  Chris Columbus
  David Heyman
  David Yates
  Mike Newell
  Steve Kloves
  Lista Completa...
 
Pottermore
 
Harry Potter: A Exposição
 
O Mundo Mágico de Harry Potter
 
Warner Bros Studio Tour London
 
Entrevistas JKR... +350 textos
 Por Ano
  Destaques JKR.com
  Não datadas
  1997
  1998
  1999
  2000
  2001
  2002
  2003
  2004
  2005
  2006
  2007
  2008
  2009
  2010
  2011
  2012
  2013
  2014
 Por Assunto
  Personagens
  Lugares
  Mundo Bruxo
  Livros & Cia
  Jo
  Boatos e Rumores
 
JKRowling.com
  Aniversário de Personagens
  Bruxo do Mês
  Biografia
  Diário
  Fan Sites
  Vista Gadget
  FAQ
 
  Sobre os Livros
  Sobre JKR
  Outras Coisas
  Enquetes?
  Informações Extra  
 
  Miscelânia
  Personagens
  Edições
  Itens Secretos  
  Links  
  Lixeira
  Novidades  
  Rumores  
  ? (Porta Secreta)  
  W.O.M.B.A.T  
 
EmmaWatsonOfficial.com
  Emma
 
  Sobre Emma
  Fotos e Favoritos
  FAQ's
  Prêmios
  Carreira
  Notícias
  Mídia
  e.m.s.
  UNICEF
  Minha Página
 
  Downloads
  Links
 
 
 
 
Legal Notice:
Harry Potter é propriedade de J.K. Rowling, Warner, Bloomsbury, Scholastic e Rocco. Este é apenas um fansite que publica informações para fãs. Os videos são propriedades dos respectivos canais.
All contents of JKRowling.com and EmmaWatsonOfficial.com is created by LightMaker.
Potterish.com - versão 4.0. Copyright © 2002 - 2014

Powered by WordPress.